A importância da inovação no empreendedorismo
Lívia Amorim

Lívia Amorim

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on reddit
Share on email

Inovação e empreendedorismo

Você faz parte das empresas que pensam em inovar? Então esse artigo é para você! Vamos falar de alguns conceitos presentes no mundo do empreendedorismo para que você possa começar a sua inovação. 

Além de ler sobre alguns conceitos, você vai descobrir algumas características comuns de empresas inovadoras, além de conhecer algumas ações relevantes que vão ajudar na inovação do seu produto, processo ou serviço. Atitudes como inovação tecnológica, abordagens de vendas ou aperfeiçoamento/criação de produtos relevantes para o mercado tem se mostrado soluções inovadoras.

O que é inovação?

Inovação é o ato de implementar mudanças a fim de modificar processos, hábitos, etc, a partir de atitudes significativas ou até mesmo consideradas arriscadas dentro do mercado.

De acordo com o professor de Harvard, Clayton Christensen, o capitalismo é uma engrenagem que funciona em ciclos. Portanto, para empreender é necessário que a empresa tenha capacidade de inovar e estar no meio competitivo do mercado. Quando um ciclo do capitalismo se finda, é totalmente substituído por outro, de acordo com Christensen. A cada revolução, há uma destruição do que antes dominava o mercado e assim, acontece uma transferência de domínio. É possível ler mais em seu livro The Innovator’s Dilemma.

Assim, uma empresa inovadora é não é aquela que só consegue se adaptar ao mercado, mas a que sabe se manter sempre ativa e engajada com as novidades. Quer saber as características de uma empresa inovadora? Continue a leitura.

A inovação disruptiva e tecnológica

Ninguém quer apenas adaptar-se as mudanças do mercado e batalhar pela a sobrevivência da empresa. É necessário pensar no empreendedorismo e inovação como chaves para o destaque. Por isso, é necessário estar atento às oportunidades, a fim de transformá-las em soluções lucrativas.

No entanto, as ações inovadoras têm levado à desestabilização dos concorrentes. Portanto, atualmente, não é mais suficiente surgir com uma solução conservadora a qual se encaixa no mercado em paralelo com os concorrentes. Ou seja, uma solução que se adeque e se encaixe ao mercado junto com outras soluções já presentes sem preocupar os concorrentes não é a abordagem mais indicada atualmente. Ao contrário, as maiores empresas da atualidade realmente desarranjaram e reorganizaram o mercado.

Hoje em dia, a inovação disruptiva  tem levado empresas ao crescimento e escalabilidade. Dessa forma, na inovação disruptiva, a empresa cria um produto ou serviço capaz de superar processos e serviços habituais. Pois criam soluções inovadoras que se caracterizam por serem mais simples e baratas do que a atual solução existente no mercado. Outra característica da inovação disruptiva é que o foco é, normalmente, em um público mais restrito. Ao menos inicialmente.

Inspire-se: empresa inovadora

Empresas como a Uber e a Netflix são ótimos exemplos de inovação tecnológica e disruptiva. Ambas estudaram o mercado e perceberam a oportunidade de se destacarem através de ideias atrativas. As duas revolucionaram a forma dos usuários conceberem ações comuns do dia a dia.

No caso da Uber, principalmente, é possível perceber como os meios de transporte privados, tradicionais perderam consideravelmente a sua força. Transporte por aplicativo é hoje uma realidade arraigada na sociedade. Com isso, as pessoas mudaram a forma com que concebem o transporte e outras empresas buscaram apresentar novas soluções para o transporte a fim de competir no mercado.

É o que uma empresa inovadora deve buscar: investigar o mercado e trabalhar em cima de uma ideia que o movimente, criando uma solução que agregue valor e relevância. Por isso, empresas inovadoras não são comparáveis a outras e se destacam no mercado. Consequentemente, elas não brigam para atestar seu valor. Isso porque já cativaram o cliente e o seu engajamento por se provarem relevantes através da sua inovação.

Mais barato do que parece

Para implementar uma inovação é necessário certo investimento. Primeiramente de tempo e estudos do mercado para bolar a sua estratégia. Posteriormente, é preciso um investimento financeiro para colocar em prática a ideia brilhante. Afinal, uma ideia só no papel não serve de nada.

É verdade que a inovação tecnológica é muito bem vinda nos dias de hoje. Pois além de gerar atrativos para os clientes, facilita processos e reduz custos, essencialmente a longo prazo. Caso você queria ler mais sobre tecnologias e atendimento, conheça 5 tecnologias para melhorar o atendimento ao cliente.

Mas não se abale! Inovação não quer dizer apenas despendimento de grandes investimentos. Existem soluções menores que fazem muita diferença. Se ficou interessado em conhecer as sugestões que temos para te apresentar, veja algumas ideias de inovação que podem te inspirar!

Inovação de processos

Talvez a inovação de processos seja a mais atrativa financeiramente. É possível otimizar tempo e produtividade otimizando processos. Essa otimização pode ser aliada à inovação tecnológica, mas não necessariamente. Atitudes como entrevistas online podem diminuir a quantidade de tempo despendida em uma seleção de pessoal. Tal procedimento pode ser interessante para empresas grandes ou que estão enfrentando grande rotatividade de pessoal ou turnover.

Outra atitude extremamente positiva é a procura consciente e estudada de gargalos. O objetivo é fortalecer e melhorar a comunicação interna dos setores da empresa e diminuir a quantidade de tempo e dinheiro consumidos no processo. Por vezes, um funcionário tem uma ideia simples que pode estruturar uma maneira inovadora de proceder. Isso porque ele lida com aquele processo diariamente e pode enxergar as coisas por um outro ângulo.

Por isso, pense na célebre frase de Steve Jobs: “Não faz sentido contratar pessoas inteligentes e dizer a elas o que elas devem fazer; nós contratamos pessoas inteligentes para que elas possam nos dizer o que fazer”.

Dê atenção aos clientes

Quem melhor do que os seus clientes para te dizer o que querem? Foi assim que um supermercado em Natal inovou e agradou muita gente. O supermercado Nordestão tem um conselho de clientes que se reúne a cada 3 meses com clientes que estão fazendo as suas compras. A formação é aleatória, pois assim há uma diversificação de experiências e expectativas. Em um desses conselhos, um cliente surgiu com a ideia de usar sacolas plásticas de cor diferente para produtos perecíveis. Dessa forma, quando a pessoa chega em casa sabe exatamente qual compra precisa ir pra geladeira antes de continuar a correria do dia a dia.

O cliente pode ajudar bem mais do que simplesmente com um feedback isolado. Essa abordagem do supermercado Nordestão pode servir de inspiração a fim de verificar como a participação mais ativa dos clientes é benéfica quando se trata de inovação e ideias.

Quer conhecer mais um case para se inspirar? Veja como um negócio em nichoespecífico pode dar muito certo!

Focando em um nicho

Muitas vezes surgir com um produto para um nicho específico pode dar bons resultados. Na verdade, é assim que a maioria das empresas inovadoras fazem, principalmente quando se trata de inovação disruptiva.

E foi assim que surgiu a startup 33/34. Como o nome sugere, seu foco é vender sapatos femininos de tamanho 33 e 34. Somente no Brasil estima-se que existam cerca de 5 milhões de mulheres que usam esses números. Assim como todas essas mulheres, Tania Gomes passava pela desconfortável situação de ter que gastar horas procurando por sapatos do seu tamanho e, muitas vezes, ter que frequentar a seção infantil. Pensando em resolver esse desconforto, a 33/34 surgiu como uma empresa online e hoje tem lojas físicas em São Paulo.

Será que você também passa por uma situação inspirar uma ação inovadora? É possível que o seu problema seja o problema de muitas pessoas. Por isso, a experiência nunca pode ser subestimada.

O que você achou desse artigo? Dê 5 estrelas nele e ajude as pessoas a encontrá-lo também. E se esse tema te interessou, você vai gostar de ler sobre a gamificação e jogos motivacionais!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email