Vendas: 0800 878 3122 | Suporte:
  • English

Gateway FXO e FXS: conheça cada tipo

Gateway-fxo-e-fxs-conheça-cada-tipo

Saber a diferença entre um gateway FXO e FXS é o ponto inicial para que você instale linhas de telefonia VoIP na sua empresa. Por isso, hoje nós vamos te ajudar a entender as particularidades entre os dois tipos de gateway.

Você provavelmente já se deparou com os termos “gateway FXO e FXS”. Mas você sabe o que eles significam?

Compreender as características de cada um dos modelos de gateway é forma mais efetiva de implementar uma mudança no seu atendimento telefônico.

Porém, sabemos que é difícil aprender o significado e a funcionalidade de todos os termos técnicos da telefonia.

Pensando nisso, elaboramos esse conteúdo explicativo. Pronto para entender as diferenças entre gateway FXO, FXS e alguns outros? Então vamos lá.

O que é um gateway?

A palavra “gateway” pode ser traduzida como “portão”. Isso representa uma passagem entre dois ambientes distintos.

Ao pé da letra, é exatamente para isso que serve um gateway: estabelecer a conexão entre duas redes distintas.

Porém, esse aparelho precisa de certas medidas de segurança, para garantir que apenas um certo tipo de informação passe pelos “portões”.

Para blindar o sistema existem diversos protocolos de rede em um gateway.

Os protocolos são uma forma de decidir o que pode e o que não pode passar pelo seu gateway.

Então, colocando tudo em termos simples, o gateway é uma conexão entre dois bancos de dados – um local e o outro remoto.

Um bom exemplo do dia a dia do uso do gateway são os modens de internet.

Mesmo que todos os seus dispositivos se conectem à internet, apenas o modem tem conexão direta com ela.

Isso significa que é ele quem “traduz” o sinal e compartilha com os outros dispositivos da sua casa – como o celular, tablet, televisão e etc…

Outro bom exemplo de gateway, porém mais técnico, é o firewall.

Um firewall é responsável por filtrar todos os dados e sites que você acessa, com o objetivo de te proteger de ameaças.

Por isso, podemos dizer que o modem é um gateway de rede, enquanto o firewall é um gateway de segurança.

Gateway na telefonia

Existem diversos tipos de gateway, cada um com uma finalidade diferente. No entanto, no artigo de hoje vamos nos ater aos gateways de telefonia.

Tendo isso em mente, você precisa entender que na telefonia os gateways estão diretamente ligados a “tradução” de protocolos.

Desta forma, podemos entender os gateways de telefonia como aparelhos intermediários.

Isso porque eles servem, principalmente, para comunicar aparelhos velhos – telefonia analógica – à aparelhos novos – telefonia digital.

Por isso, fizemos uma lista com os principais tipos de gateway VoIP (ou gateway de voz como também são conhecidos).

Acompanhe a lista.

1 – Gateway FXS

O gateway FXS é a sigla em inglês para Foreign eXchange Subscriber. De forma direta, este tipo de gateway é um dos mais utilizados em centrais receptivas de telefonia.

Você deve gostar também:  CTI e CRM: como eles podem melhorar a produtividade do seu time de vendas?

Isso porque é ele quem converte as chamadas analógicas em ligações VoIP.

Ou seja, esse modelo é o responsável por transformar a ligação que o seu cliente fez pelo telefone fixo da casa dele em uma ligação, com protocolos de segurança atualizados e uma rota com mais qualidade.

Além disso, o FXS é quem fornece ao seu telefone o DTMF, energia e som.

2 – Gateway FXO

O gateway FXO ou Foreign eXchange Office é o responsável por fazer o processo inverso do FXS.

Nesse sentido, o gateway FXO torna possível que você faça ligações para um telefone convencional a partir da sua central. Além disso, é o gateway FXO que indica se o telefone está no gancho ou não.

A porta FXO (gateway FXO) está sempre em conjunto com a porta FXS.

Isso porque elas se complementam.

3 – Gateway GSM

Este gateway permite a conexão entre as redes IP e as operadoras de telefonia móvel, ou seja, o aparelho liga as linhas IP às redes de telefonia móvel – exatamente igual as que você tem no seu celular.

Nesse sentido, este tipo de gateway funciona a partir da conexão de um SIM card (chip) diretamente ao aparelho.

4 – Gateway E1

Os gateways E1 são responsáveis pela interconexão entre a sua central de telefonia IP com as redes de telefonia públicas.

Este processo é feito através de links digitais, chamados de “Links E1”, além disso, os gateways E1 podem ser usado de formas diferentes.

Nesse sentido, podem ter uma finalidade única e específica, como os dispositivos ATA (Analog Telephone Adapter).

Porém, também pode ser servidores com vários tipos de protocolos e finalidades diferentes.

Gateway FXO/FXS na telefonia em nuvem

Antes de tudo, você precisa saber que, diferente da telefonia convencional, na telefonia em nuvem não é só conectar o seu gateway FXO ou FXS e sair usando.

Isso significa que você também precisa se certificar de que estes aparelhos estão conectados à internet.

Desta forma, a maneira como os gateways FXO e FXS funcionam é um pouco diferente na telefonia em nuvem.

Quer saber como? Então segue a leitura que vamos te explicar.

Gateway FXO no VoIP

Para transformar a sua linha analógica em uma linha VoIP o uso do gateway FXO é essencial.

Isso porque é apenas através dele que a sua linha telefônica convencional se conecta à um telefone IP, PABX cloud ou PABX IP.

Portanto, o gateway FXO permite que você conecte a porta FXS ao dispositivo desejado.

Gateway_FXO_Imagem

Gateway FXS no VoIP

Os gateways FXS são usados para conectar linhas de um PABX analógico a um sistema de telefonia IP, assim como a um PABX cloud ou uma URA.

O gateway FXS é necessário para que o gateway FXO seja conectado à internet ou a um sistema de telefonia digital.

Gateway_FXS_imagem_gateway_FXO

Adaptador FXS (adaptador ATA)

O adaptador FXS é usado para conectar o telefone (ou fax analógico) a um provedor em nuvem.

Assim, ele se faz necessário porque é preciso conectar a porta FXO do aparelho desejado à um adaptador capaz de converter e traduzir os protocolos. E, como já te contamos, quem faz essa conversão é justamente o adaptador FXS.

Adaptador_gateway_FXS_gateway_FXO

Telefonia em nuvem x telefonia convencional

Agora você já compreende bem as diferenças entre um gateway FXO e um gateway FXS, certo?

Você deve gostar também:  Bina local: saiba como melhorar a taxa de atendimento de seu call center

Então, a gente já pode te explicar as principais diferenças entre a telefonia convencional e a telefonia em nuvem.

Desta forma, você pode tomar uma decisão mais informada sobre que caminho tomar na sua empresa – escolhendo entre a telefonia em nuvem ou telefonia convencional.

Pra te ajudar nisso, fizemos uma breve lista com algumas das diferenças entre estas telefonias.

Confira:

1 – Tarifas

Uma das diferenças mais significativas entre as operadoras de telefonia é o preço das ligações. As chamadas feitas por meio da tecnologia VoIP possuem um preço até 70% menor do que na telefonia convencional.

De forma prática, essa é uma economia significativa nos custos operacionais da sua empresa.

2 – Recursos

Outra grande diferença entre os dois tipos de telefonia se encontra nos recursos oferecidos.

Na telefonia convencional, você encontra recursos mais simples, por exemplo, o identificador de chamadas e a caixa postal.

Enquanto a telefonia digital oferece recursos que permitem que a sua empresa se profissionalize, como gravação de ligações, a facilidade de integrar vários serviços e gestão do atendimento.

3 – Escalabilidade

Toda empresa quer crescer, não é mesmo? Por isso você precisa de serviços que facilitem a escalabilidade da sua empresa.

E este não é o caso das linhas telefônicas convencionais.

Com esse tipo de telefonia, você tem custos de manutenção, instalação, além da necessidade da compra de aparelhos telefônicos e seus periféricos.

Nesse sentido, a telefonia em nuvem é uma solução muito mais atrativa.

Além de não ter nenhum custo de manutenção, a telefonia em nuvem conta com instalação simplificada e permite que você integra quantos ramais achar necessário – a partir de uma central PABX ilimitada ou de uma URA.

Benefícios da telefonia em nuvem

Como você já pode perceber, a telefonia em nuvem possui diversas vantagens em comparação a telefonia convencional.

Para finalizar, nós listamos alguns dos principais benefícios da telefonia em nuvem. Confira:

Conclusão

E aí, conseguiu entender um pouco mais sobre os gateway FXO e FXS?

Agora, você já tem mais informações para decidir sobre o modelo de telefonia mais interessante para a sua empresa.

Pensando em te ajudar a conhecer melhor essa tecnologia, nós te damos R$5,00 grátis para você testar os recursos. Basta se cadastrar no nosso painel.

Na Nvoip a portabilidade do seu número é totalmente gratuita. Então não fique de fora dessa e venha ser parte dos nossos mais de 2500 clientes espalhados por todo o mundo.

Além disso, você conta com planos e condições que cabem no seu bolso. Confira os detalhes sobre o número virtual e o número nacional – 0800 e 4003 – da Nvoip.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato agora mesmo com um de nossos colaboradores.